Feeds:
Posts
Comentários

Archive for junho \26\UTC 2009















As reações químicas gerar eletricidade. a eletricidade também pode gerar uma reação química.
A água é composta de hidrogênio e oxigênio, quando uma corrente elétrica atravessa ela, por meio de eletrodos, ocorre a formação dos gases hidrogênio e oxigênio componentes da água essa reação é denominada eletrólise.
A eletrólise tem diversas aplicações na indústria tais como: obtenção do alumínio, cloro e água oxigenada.

Conceito de Eletrólise

A separação de diferentes partes de um composto utilizando a eletricidade é chamada eletrólise. Para que funcione, o composto deve estar em estado líquido, ou dissolvido em água e conter íons.

Duas placas condutoras de eletricidade (eletrodos) são colocados no composto a ser decomposto o eletrólito. Quando as placas são conectadas a uma bateria, a corrente elétrica atravessa o composto que, aos poucos, se decompõe em duas partes. Isso acontece porque o eletrodo negativo (catodo) apresenta um excesso de partículas negativamente carregadas e, assim, atrai os íons positivos do composto. O eletrodo positivo (anodo) atrai os íons negativos.

Para provocar a passagem de corrente elétrica em um recipiente contendo NaCl, por exemplo, é necessário liberar os íons Na+ e Cl para que possam se movimentar. Isso pode ser conseguido aquecendo-se o sal até a sua fusão ou então adicionando-se água o que provocará dissociação dos íons. Existem dois tipos de eletrólise: a Eletrólise Ígnea e a Eletrólise Aquosa.

· Eletrólise Ígnea é o nome que se dá a uma reação química provocada pela passagem de corrente elétrica através de um composto iônico fundido.

· Eletrólise Aquosa é o nome de uma reação química provocada pela passagem de corrente elétrica por meio de uma solução aquosa de um eletrólito.

A eletrólise é um fenômeno de oxi-redução, sendo assim, o total de elétrons perdidos no pólo positivo deve ser igual ao total de elétrons recebidos no pólo negativo.

Michael Faraday, físico e químico inglês (1791-1867). Descobridor da indução

eletromagnética. Começa a trabalhar aos 14 anos, como aprendiz de encadernador. Conhece

de sir Humphry Davi, renomeado químico da época, de quem se torna assistente, aos 21

anos. Apesar do pouco conhecimento teórico, seu talento para a experimentação lhe permite

fazer importantes avanços na Química e na Física: liqüefaz quase todos os gases

conhecidos, isola o benzeno, cria o primeiro motor eletromagnético, elabora a teoria da

eletrólise e esclarece a noção de energia eletrostática. Em 1824, é eleito para a Royal

Society, em Londres.

1ª Lei de Faraday:

“A massa (m) de substância eletrolisada é diretamente proporcional à quantidade de

eletricidade (Q) que atravessa a solução.” Matematicamente: m = k1 . Q

Lembrando que a eletricidade: Q = i . t, temos então: m = k1 . i . t

Essa lei pode ser comprovada com a célula mostrada abaixo. Medimos a intensidade da

corrente (i) com o amperímetro, o tempo (t) de passagem de corrente com um cronômetro,

e determinamos o aumento de massa (m) sofrido pelo catodo, devido a deposição de prata

durante a eletrólise. Verificamos então, que, na proporção em que aumentarem i e t,

aumentará a massa (m).

2ª Lei de Faraday

“A mesma quantidade de eletricidade irá eletrolisar massas (m) de substâncias diferentes,

que serão proporcionais aos respectivos equivalente-grama (E) de oxi-redução.”

Matematicamente: m = k2 . E

Podemos comprovar essa lei ligando, por exemplo, duas células eletrolíticas em

série, com soluções diferentes. A ligação série garantirá que a mesma quantidade de

eletricidade passará pela 1ª e pela 2ª célula eletrolítica. Contata-se que a massa de prata

(mAg) depositada na 1ª célula é diferente da massa de cobre (mCu) depositada na 2ª célula.

A Galvanoplastia (galvanização) e a Anodização são exemplos das aplicações da Eletrólise em Química.

Conceito de Galvanoplastia e Anodização

O ato de recobrir uma superfície de metal com uma camada fina de outro metal é conhecido como galvanização. Esse processo é geralmente usado para proteger objetos metálicos contra ferrugem e para melhorar sua aparência.

O objeto que vai receber o banho faz o papel do catodo; um pedaço de papel que vai recobri-lo é o anodo e o eletrólito contém um composto desse metal. Se uma placa de aço deve receber uma camada de estanho, este será usado como ano e a solução e uma solução de sulfato de estanho será usada como eletrólito.

Quando o corrente elétrica é ligada, os íons positivos de estanho migram através da solução até o aço, formando uma camada de estanho em sua superfície. É o processo no qual uma peça metálica, recebe o revestimento de outro metal, através da eletrólise aquosa de um sal.

Esse também é o processo que permite revestir anéis com uma camada de ouro e faqueiros com uma camada de prata. O ferro galvanizado consiste no ferro que recebeu uma camada superficial de zinco por eletrólise.

A anodização é uma forma de resguardar certos metais contra a corrosão, é a formação de uma camada protetora superficial de um óxido do próprio metal. Um processo de anodização bastante conhecido é o caso do alumínio.

Read Full Post »